Liturgia, Celebração do Mistério Pascal

Uma contribuição para estudo e reflexão

“Falar da Liturgia (prefiro até escrevê-la com “L” maiúsculo ) é algo fascinante, apaixonante: é falar do próprio coração amoroso de Deus pulsando no nosso corpo e no corpo de todas as criaturas.É perceber-se tocado por Ele e, ao mesmo tempo, sentir a transformação que Ele opera. É sentir-se impelido a viver o seu jeito de viver.

E que dizer, então, da celebração da Liturgia, da divina Liturgia?! Significa experimentar o próprio mistério do amor de Deus mergulhado de cabeça na nossa realidade humana cheia de anjos, de demônios e, ao mesmo tempo, sentir-se mais uma vez batizados (= mergulhados) no oceano da misericórdia do Deus da vida.

Mas… poder entender e experimentar o mistério da divina Liturgia, pensada, celebrada, experimentada, vivida”.

Trecho da obra “Deixe a flor Desabrochar” “Liturgia, Celebração do Mistério Pascal” contribuição do frei José Ariovaldo da Silva, OFM – edições CNBB.

Facebook Comments