Arquidiocese lança Campanha da Fraternidade 2018 no 1º Domingo da Quaresma

Neste domingo, 18 de fevereiro, a Arquidiocese de Campo Grande – MS lançou a Campanha da Fraternidade 2018 durante a celebração da Santa Missa, presidida por seu arcebispo Dom Dimas Lara Barbosa e concelebrada pelo Bispo Auxiliar, Dom Janusz Marian Danecki, OFMConv e pelo clero diocesano e religioso.

A cerimônia aconteceu no Ginásio Poliesportivo Dom Bosco, gentilmente cedido pela Universidade Católica Dom Bosco, e contou com a presença de cerca de 4.000 fieis. De acordo com Pe. Odair de Souza Costa, coordenador do evento, cerca de 140 voluntários colaboraram com a organização e decoração do espaço.

A CF 2018 traz como tema “Fraternidade e Superação da Violência”, e como lema “Em Cristo, somos todos irmãos” (Mt 23,8).

Em  sua homilia, Dom Dimas abordou tal temática explanando os significados de Violência Direta, Institucional e Cultural, conforme são descritos no Texto Base da CF 2018.  Como propostas concretas para incidir nos diversos aspectos da violência, foram constituídos 11 (onze) Grupos de Trabalhos como multiplicadores para as Paróquias, Movimentos, Serviços, Espiritualidades, a saber: Violência no Trânsito, Violência contra a Pessoa Idosa, Violência contra a Criança e Adolescente, Suicídio, Violência Racial, Drogas e Crime Organizado, Violência contra a Mulher, Violência contra os Povos Indígenas, Violência Institucional, Violência nas Escolas, Violência no Campo. Pretende-se também realizar uma Audiência Pública na Assembleia Legislativa e outras nas diversas Câmaras Municipais dos Municípios que compõem a Arquidiocese de Campo Grande e, se possível, a Cidade da Paz no Parque dos Nações Indígenas em novembro/2018.

Além das entrevistas concedidas por Dom Dimas Lara Barbosa e Pe. Agenor Martins da Silva, CSsR, muitos puderam assistir a Cerimônia pela Internet, Televisão e ouvir pela Rádio Imaculada. De fato, tudo foi transmitido pela TV Imaculada e pelo Canal do Boi (Sistema Brasileiro do Agronegócio).

Formado por 60 vozes, de 5 corais e diversos grupos paroquiais, o coral foi regido pelo maestro Rafael Ortega que ao longo de meses tem realizado os ensaios além da formação musical.
Sua satisfação é grande ao perceber a valorização e incentivo à formação do Canto Pastoral e Liturgia coordenados por dom Mariano Danecki, OFMConv , bispo auxiliar da arquidiocese.
Maestro Rafael faz referencia às palavras do Papa Bento XVI: ” O Senhor chamou a nós, humildes trabalhadores da vinha do Senhor, para respondermos ao seu chamado”.

A Coordenação Diocesana de Pastoral formou uma equipe multiplicadora que está à disposição das Paróquias para as formações e engajamento nos grupos de trabalho. Outros detalhes poderão ser obtidos com Tangra Fagundes Lara, assistente de coordenação, telefone (67) 332-2800.

 

Assista a Missa de Abertura da CF 2018:

 

          

Assessoria de Impresnsa
Arquidiocese de Campo Grande – MS

Facebook Comments